Supremo Condena quadrilha Petista mensaleira por 6 x 4

Supremo Condena quadrilha Petista mensaleira por 6 x 4
Estamos atualizando nosso cadastro de políticos que possuem sua fichinha mais suja que pau de galinheiro. Também disponibilizaremos a lista de quem falta mais às sessões e comissões, uso de verbas indenizatórias, doações e patrimônio dos políticos. Aguardem.

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

VOCÊ DECIDE - SENADOR WELLINGTON SALGADO

Do Transparência Brasil

Wellington Salgado de Oliveira (PMDB-MG)
Senado Federal/BR

Nome de batismo:
Wellington Salgado de Oliveira

CPF: 572.448.207-04

Período: 2003-2011

Cargos relevantes: Suplente na legislatura 2003-2011, assumiu o mandato na vaga de Hélio Costa, nomeado Ministro das Comunicações em 2005.

Outros dados relevantes: Formado em pedagogia. É sócio da Universidade Salgado de Oliveira (Universo) e do Centro Universitário do Triângulo (Unitri). Detém concessão de radiodifusão em Ituiutaba (MG), Rio Bonito (RJ) e Goiânia. Por meio de suas empresas e de dois irmãos, doou à campanha de Hélio Costa, de quem é suplente, um total de R$ 1,337 milhão.

Histórico de filiações partidárias: PMDB.

e-mail: wellington.salgado@senador.gov.br

Eleito(a) pelo PMDB.


STF Inquérito Nº2628/2007 - Crime contra a ordem tributária; apropriação indébita previdenciária referente a imposto de renda de pessoa física. Corre sob segredo de justiça.

STF Inquérito Nº2364/2007 - Crime contra a ordem tributária; apropriação indébita previdenciária referente a imposto de renda de pessoa física.

Devedores do INSS - A Associação Salgado de Oliveira de Educação deve R$ 37.436.817,36 ao INSS.

STJ Agravo Nº1100575/2008 - Recorre de decisão desfavorável referente à Execução Fiscal Nº88.0034332-5, que corre na 5ª Vara Federal de Niterói.

Deu no Jornal

Em 2004, o governo do Distrito Federal, na época administrado por Joaquim Roriz (ex-PMDB), firmou contrato com o grupo educacional Universo, para a venda de um terreno público em Brasília sem licitação, com preço reduzido em 80% e algumas isenções fiscais. A justificativa para o negócio foi a inclusão do projeto que a empresa implantaria na área no programa de desenvolvimento do governo. A secretaria de Desenvolvimento Econômico do Distrito Federal apontou inadequações no contrato (Folha de S. Paulo, 20.out.2007).

É investigado por suposta sonegação de R$ 12 milhões em impostos quando dirigente da Associação Salgado de Oliveira de Educação e Cultura (ASOEC) (Folha de S. Paulo, 5.out.2007).

A Associação Salgado de Oliveira de Educação e Cultura, entidade que preside, deve dezenas de milhões de reais ao INSS (Folha de S. Paulo, 8.jul.2005).

Em 2002, declarou ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Minas Gerais que residia em local onde funcionava estabelecimento comercial, além de declarar imóveis cujos registros não existiam em cartórios (Correio Braziliense, 9.out.2005; 12.out.2005; Estado de Minas, 1.jul.2007).

Teria comprado terreno público de forma questionada pela justiça de Goiás por meio de contrato firmado com o então presidente da Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (Cnec) e atual presidente do Senado, Renan Calheiros (O Estado de S. Paulo, 16.ago.2006)

O Tribunal Regional Federal (TRF) do Rio de Janeiro aceitou a ação contra a Universo por funcionamento em outros estados sem licença do Ministério da Educação (MEC) (O Globo, 28.nov.2006.

Acusado pelo governo federal de dever R$ 75,13 milhões em impostos (Folha de S. Paulo, 16.out.2007).

Teria sido beneficiado por atos secretos editados pelo Senado entre 1995 e 2009 (O Estado de S. Paulo, 23.jun.2009).

Nenhum comentário:

SIGAM O ELEGENDO